Criada na década de 70 nos Estados Unidos, a terapia da mão é uma das especialidades do Terapeuta Ocupacional e/ou Fisioterapeuta, que atua em conjunto com o cirurgião de mão oferecendo atendimento especializado desde o  tratamento pré – operatório até a completa alta do paciente. A intervenção do Terapeuta de Mão ocorre nos diversos casos de lesões e traumatismos que envolvam partes ósseas, ligamentos, tendões, nervos periféricos, músculos e articulações.
O Terapeuta utiliza de seu conhecimento e técnicas de reabilitação de controle do edema; cuidados com feridas e cicatrizes; atividades e exercícios que promovam o ganho de amplitude de movimento e força muscular; reeducação sensorial; treino de preensões e  motricidade fina, até a prescrição e/ou confecção de adaptações  e órteses.
Órteses são dispositivos de uso externo que auxilia o membro acometido no processo de reabilitação da mão. As principais finalidades das órteses, entre outras, são de proteger estruturas reparadas, prevenir e/ou corrigir  deformidades, promover a função,  manter e/ou  aumentar a amplitude de movimento e substituir à ação  muscular fraca ou ausente. A utilização de uma órtese bem indicada e cuidadosamente elaborada como um adjunto ao tratamento potencializa os resultados, proporciona uma recuperação menos dolorosa e em um período mais curto, possibilitando um retorno mais rápido ao trabalho e às atividades de vida diária.